Nessas fotos do acervo do Gustavo de Almeida Magalhães temos a pegadinha de hoje.
Só o amigo Carlos Paiva, que no primeiro lance do jogo fez um gol de placa, matando de pronto a pegadinha.
A grande residência, de estilo eclético foi construída por  Custódio de Almeida Magalhães, banqueiro, dono do Banco Almeida Magalhães, na novíssima Avenida de Ligação, hoje Av. Oswaldo Cruz.
Como o falecimento do tio avô do Gustavo, a casa foi vendida para o Comendador Martinelli, que contratou o arquiteto Antônio Virzi, para a reforma da mesma.
Virzi como de costume, alterou profundamente a casa criando uma surrealista pátina art-noveu, que a transformou em uma das mais surpreendentes da cidade.
Infelizmente a casa não resistiu a especulação imobilitária, tendo sido demolida as pressas com o receio de seu tombamento, que era requerido por vários arquitetos, em seu lugar foi construído mais um feio espigão com o tradicional estilo do final dos anos 70.
Por fim coloco mais uma foto, que cá entre nós deixaria a pegadinha muito fácil, pois nela aparece em  destaque o prédio da Escola Barth, até hoje no local.