T. Rebouças a série III

andredecourt's Foto von 08.12.05

Com a chegada de Carlos Lacerda ao poder pelo voto ao governo da Guanabara, recém criada, foi lançado um arrojado programa de metas e obras para a cidade-estado.

Os últimos anos para o então Distrito Federal foram muito duros, com toda a verba federal indo para Brasília, a cidade carecia de investimentos estruturais imensos, o túnel Catumbi-Laranjeiras, hoje Santa Bárbara, estava sendo aberto durante 10 anos, a Av. Radial Oeste, planejada nos anos 20 não conseguia avançar pois não havia verbas para as desapropriações, o sistema de esgotamento sanitário necessitava de equipamentos modernos para substituir os deixados pela velha City, e o abastecimento de água era um flagelo.
Junte-se a isso, os nós viários, pois desde 1948 a cidade não tinha uma nova obra viária inaugurada, como também o sistema de sinais de transito obsoletos pois em grande parte os controladores eram de logo depois da segunda guerra, e muitos ainda dos anos 30.
Lacerda foi um governador de altíssima densidade, em 5 anos de governo ele começou a mudar a fisionomia da cidade, o Santa Bárbara foi inaugurado, a SURSAN, começou a promover grandes obras, muitas de saneamento nos subúrbios, esquecidos por décadas.
Mas uma de suas maiores obras em termos de engenharia, foi o túnel Rebouças, que junto com o Guandu mostraram que para problemas grandes, gigantescas obras podem ser feitas, desde que bem planejadas e fiscalizadas.
Vemos aqui as obras de abertura do túnel para o lado do Jardim Botânico, no ano de 1963, apesar de as bocas já estarem com os formatos de hoje, as escavações dentro do maciço ainda continuavam, reparem na enorme pilha de rochas à esquerda da foto, retiradas de dentro do túnel pelos caminhões.

Comments (29)

jban 08.12.05 07:20 …
Imagino quantos aterros foram feitos com esse material retirado da escavação do Rebouças…
luiz_d 08.12.05 07:32 …
Muitas dessas pedras serviram para aumentar a ilha do Piraquê.
PS: ontem aconteceu um problema interessante lá no http://fotolog.terra.com.br/mapas, do Celso. Ele contava uma história em capítulos e alguns comentaristas se anteciparam e contaram o final. Acho que devemos agregar informações interessantes ao texto exposto mas deixar o autor concluir sua história (afinal, como bem diz o André lá no http://www.fotolog.net/visaocarioca , dá o maior trabalho fazer a pesquisa, preparar o “post”, etc).
http://fotolog.terra.com.br/luizd
andredecourt 08.12.05 07:47 …
Bem, acho que foi uma certa coincidência prô Celso, em muitas vezes as informações só estão em publicações de anos, como é o caso do Rebouças, que bebe na fonte de livrinhos publicados pelo governo, coisa de pouca circulação.
Nunca aconteceu isso comigo…..
jban 08.12.05 08:04 …
Pô… O final da história do Rebouças todo mundo conhece… acabaram o túnel !!!
😛
Patricio 08.12.05 08:46 …
Segundo Paulo Francis, Carlos Lacerda (seu antigo desafeto) seria o vencedor das eleições de 1965 caso não tivesse acontecido o Golpe Militar no ano anterior. Uma pena …Seria a pessoa certa para o posto certo.Quanto á hora eu diria que sempre existirá espaço na história deste Brasil para um Carlos Lacerda. Imagino como ele (POLITICO COMPETENTE, CORAJOSO E JORNALISTA DE MÃO-CHEIA) desancaria toda essa turma do PT. Em minha modestissima opiniâo o Rio de Janeiro teve bons e maus administradores mas nenhum se comparou, positivamente, com as figuras de Francisco Pereira Passos e de Carlos Lacerda (não por acaso… os dois mais odiados pela esquerda – um bom indicativo de suas qualidades). Embora julgue que o espaço mais indicado para promover uma homenagem ao saudoso Lacerda seria o Fotolog do louvável amigo Sr..Bertoni (tem um disputadissimo espaço para tal : CPB)aqui fica a ideia …também!
Abraço a todos sem excepção.
photomechanica 08.12.05 08:55 …
Um valente Fenemê lá no fundo.
Aquilo era coisa para macho guiar!!!
:-))))
lucia 08.12.05 09:33 …
Coincidentemente, ontem remexendo meus baus de antiguidades em busca de fotos minhas com esquilos, achei um bilhete manuscrito do Carlos Lacerda para minha avó por afinidade.
Vou escanear!!!
:))
Buenas!!
titocat 08.12.05 09:37 …
http://ubbibr.fotolog.net/rioencantosmil
antigamente faziam obras para o bem da cidade, hj a maioria é só de paisagismo…abraços
edubt 08.12.05 09:42 …
ja falei aqui varias vezes, mas repito, meu pai era Lacerdista ao extremo, claro que eu não entendia nada, Lacerda era so um nome. Toda vez que passavamos no Rebouças ele falava “grande obra do Lacerda”.
Hoje conhecendo a historia sei o pq da admiração do meu pai por Carlos Lacerda.
E como Lacerda faz falta pro Rio hoje.
leflaneur 08.12.05 09:54 …
Meu pai e minha avó eram lacerdistas, mas tinha que ser escondido, pois meu avô era getulista.
Rafael Netto 08.12.05 10:10 …
Tendo em vista a história recente e um ou outro “iceberg” que desponta na história antiga (como Carlos Sampaio) eu venho questionando a “integridade” desses “grandes políticos” do passado, como Lacerda e Pereira Passos.
Arnaldo Jabor disse algumas vezes que “o Brasil foi construído com as sobras das mamatas”. É capaz que o mérito desses “grandes políticos” tenha sido fazer com que essas “sobras” fossem úteis. Algo como o “rouba mas faz” malufiano.
photomechanica 08.12.05 10:14 …
O que será uma avó por afinidade???
:-)))
jban 08.12.05 10:49 …
Estou me lembrando dos lacerdinhas, aqueles insetos pentelhos que insistiam em entrar nos nossos olhos e que enchiam o saco… No caminho do Santo Inácio, havia uma cerca viva em uma casa na esquina de Barão de Lucena onde eu já passava de olhos fechados para não arriscar…
andredecourt 08.12.05 10:58 …
Eles adoravam cores fortes, bastava colocar unm pano amarelo, ou vermelho vivo no sol que logo ficava cheio de lacerdinhas, quem então se lembra do Idiamim, aquele besourinho que também foi praga
Gilberto Salles 08.12.05 11:51 …
Fico aqui imaginando o que seria do Rio de Janeiro se não fosse as obras executadas na gestão do Lacerda. E também fico imaginando caso ele tivesse no poder hoje, duvido que teríamos o caos nos hospitais municipais, onde esses dias uma adolescente deu a luz na recepção do hospital Pedro II porque nenhum dos 4 elevadores estava funcionado, ‘seu’ César Maia, parabéns!
E esse tal de César Maia ainda quer ser governador do Estado, brincadeira!
Naquela época, as obras públicas todas elas ficavam prontas, acho que a roubalheira era em menor escala. Se a ponte Rio-Niterói fosse erguida nos dias atuais, iríamos ver apenas o vão central no meio da baía de Guanabara e a ponte inacabada porque a verba não daria pra acabar a obra, coisa comum nos dias de hoje.
Mudando de assunto rapidinho, algum flogueiro aí teria alguma foto do antigo bloco de carnaval “Fala meu louro” lá do Santo Cristo. Ao passar hoje no túnel João Ricardo me lembrei desses bons tempos.
Um abraço!
AG 08.12.05 13:28 …
Lacerda como orador e administrador era excepcional. Como político faço sérias restrições. Já comentei aqui uma vez que meu pai era amigo do Lacerda e várias vezes íamos ao Rocio em Petrópolis passar o fim-de-semana. O homem era brilhante, cativante, interessantíssimo. Por isso eu só teria que elogiá-lo. No entanto, na minha opinião, política não se faz com ódio e o político (só o político, coisa interessante) Carlos Lacerda era movido a ódio. Sua capacidade demolidora crescia na medida que ele odiava o adversário. Sabendo disso, sabendo que o rancor, afiava-lhe as garras, Lacerda cuidava do seu ódio a pires de leite. A célebre frase (dita a muitos) “Não estendo a mão a canalhas” foi forjada de propósito, entre tantas, para justamente não permitir nem um segundo de clemência para com o inimigo.
Por isso, não sei, é uma opinião, não acho que o Lacerda seria um bom presidente da república. Governar uma cidade/estado é uma coisa, governar um país é outra; ainda mais movido a ódio.
Mas, pensando bem, diante da penúria dos presidentes que tivemos, quem sabe ?
guscar 08.12.05 13:47 …
Caro André,
Ganhei de presente de Natal e fim de ano uma monografia para fazer da minha professora de pós-graduação. Sei que vc já falou de todos os pontos do Rio, inclusive da Praça Tiradentes, mas o Fotolog não tem busca e eu não tenho tempo para ficar procurando foto por foto por cada ponto do antigo Campo da Lampadosa. Portanto eu queria saber se você lembra pelo menos a data de todos os posts sobre a Praça Tiradentes e edificações próximas que você e também o Tumminelli postaram. Ficarei muito agradecido. Abraços. Gustavo.
AG 08.12.05 13:48 …
Acho que ninguém comentou mas o Rio hoje perdeu um dos seus bons amigos. Jacinto de Thormes, pseudônimo de Maneco (Manoel Bernardez) Müller, botafoguense, apixonado por futebol e boa conversa. Muita gente acha que o Ibrahim foi quem inventou a coluna social; crasso engano. Quem revolucionoum mesmo o colunismo foi Maneco Muller. Foi ele que criou jargões que depois era repetidos pelas ruas como o “depois eu conto”. Foi ele também quem criou a lista dos 10 mais elegantes que provocava chorro e ranger de dentes nessa mesma época em que estamos; fim de ano.
A última vez que o vi, foi no Shopping da Gávea. Tomamos um cafezinho e, pela primeira vez o achei amargo, deprimido, ranzinza. Falou mal de deus e todo mundo, coisa aliás que não lhe era do seu feitio.
Fiquei tão impressionado com aquilo que, comentando com um amigo comum, ainda duvidava que tinha sido verdade.
Partiu e deixa saudades; era um camarada bacana.
Luiz D´ 08.12.05 13:51 …
Cultura inútil: aqueles bichinhos citados pelo João, antes de serem apelidados de “lacerdinhas” tinham outro nome: “azucrinol”!
http://fotolog.terra.com.br/luizd
andredecourt 08.12.05 14:21 …
Pois é está em todos os obtuários, é uma pena mesmo, quanto ao Lacerda comunico a todos, que nas coisas da tia Clarice tem uma carta pública de 4 de Junho de 1958 onde Negrão de Lima responde o Lacerda de ofensas feitas à ele quando o embaixador era prefeito do DF, sensacional a carta, uma verdadeira bomba de oratória.
Lacerda fez várias acusações a Negrão que em resposta soltou um petardo, que não teve tréplica, farei um post dias desses !!!!
jban 08.12.05 15:29 …
O Baú de TIa Clarice é incrivel !!
jban 08.12.05 15:37 …
PUTZ !! Esse cara está em todos os flogs ! Meu chapa, quer fazer o trabalho que a professora mandou, então trabalhe, pesquise e procure. Não tem tempo ? O problema é seu !
“Portanto eu queria saber se você lembra pelo menos a data de todos os posts sobre a Praça Tiradentes e edificações próximas que você e também o André postaram.”… Só pode ser brincadeira… E se for postar ou responder lá no meu flog, eu deleto !
saco !
Marcelo Almirante 08.12.05 16:13 …
O Lacerda acabou com os bondes, bom lembrar. Uma obra muito mais importante que o Rebouças, um patrimônio adquirido durante décadas, que foi todo para o fogo e sucata, ou seja, jogou no lixo.
Marcelo Almirante 08.12.05 16:15 …
Admiro também a audácia do JK em construir Brasília, mas investir tanto no Planalto Central e deixar a cidade de São Sebastião com deficiências em infra-estrutura foi um erro.
Gostaria de saber o que o JK teria a dizer sobre isso.
guscar 08.12.05 17:21 …
André, não precisa mais me ajudar não. Pode deixar que eu procuro no seu arquivo e pesquiso na Biblioteca Nacional. Até já comecei o trabalho. Se eu soubesse que eu seria ofendido por esse estúpido aí de cima eu não teria pedido nada a vocês. Eu também escrevo rápido e esqueci de colocar o sinal rs de que eu estava brincando ao falar da professora.
Eu quando falo coisa que não devo, me arrependo e tento pedir desculpas. Foi o que fiz com você, o Roberto e o Celso.
Citei vocês todos na mensagem de fim de ano do meu fotolog. Depois você dá uma olhada lá (se quiser, também). Quem bom que eu me esqueci desse desocupado do aviãozinho.
Abraços e Boas festas.
Gustavo
jban 08.12.05 18:16 …
Isso está ficando divertido …
jban 08.12.05 18:44 …
ATENCÂO !!
DIREITO DE RESPOSTA !!
Gustavo,
No momento que escrevi o comentário acima, me arrependi. Então peço desculpas, OK ? Como a sua reação não foi nada educada, acho que estamos quites.
Deve realmente ter sido a Hemo-Kola. Quanto a desocupação, cada um tem a sua. A minha é com aviãozinhos e a sua com carrinhos. Cada um com o seu brinquedo.
Um abraço,
JBAN
titocat 08.12.05 20:43 …
http://ubbibr.fotolog.com/rioencantosmil
oieeeeee…meu papy disse que a briga ta boa por aqui, que até eu resolvi dar uma olhada, cuidado que se sobrar pra mim, vou sair arranhando td mundo heim..hehehehehe..abraços e o Tito manda lambidas..hehehehehe..miauuuuuuuuuuuuuuuu
Keila 09.12.05 01:18 …
O Juscelino deu o tiro de misericódia no Rio. Se a capital ainda fosse aqui, duvido que a nossa situação seria tão caótica como está.
Mas, se alguém aí sabe, me responda: o que ele fez além de Brasília??? Juro que ainda não descobri!

Um comentário em “T. Rebouças a série III”

  1. minha familia era Lacerdista doente, residia nesta época em Copacabana, neste bairro como no Rio todo faltava água, Lacerda fez a “Adutora do Gandu”, acabou com a falta dágua. De copacabana ao Rio comprido levava hora e horas. Lacerda construiu Tunel Rebouças, começamos so levar 15 min. Fez viadutos do Marinheiro……e outras obras, como Aterro do Flamengo,.Merenda obrigatória nas escolas, e por falar em Escolas, no Rio falata Escolas, Lacerda criou escolas em toda esquina, ai falava professores, pegou os alunos da Escola Normal para fazerem estagios em sala de aula, ai o professor não tinha dinheiro para o transporte até a sala de aula, veio a grande ideia , pintou os carros chapas branca com uma tarja amarela, e o professor fazia sinal para o chapa branca e perguntava para onde ele ia, e pegava carona no carro oficial e coitado do motorista que não desse a carona. A Lei do transito, era para todos, estacionou em lugar errado, era multado e rebocado para o Detran, não tinha essa de se filho de fulano, SEGURANÇA, bandido que aprontava tinha a cara estampada no Jornal “O Dia, O Globo, Luta, Revista Manchete e Cruzeiro” PROCURA VIVO OU MORTO. mineirinho, cara de cavalo e outros.. eu andava no Rio na madrugada sem medo, e por falar em segurança sinto saudades da INVERNADA DE OLARIA. Um abraço ao Lacerdista e outros…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

What is 11 + 3 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para evitar a quantidade enorme de spams, você precisa responder a conta para provar que você é gente de verdade...