Praça Sacopenapã, anos 10

andredecourts foton från 2005-01-25

Copacabana década de 10

A ladeira do Leme um dos primitivos acessos ao bairro, antes chamada de caminho Real, chega a uma praça Cardeal Arcoverde, na época com seu nome primitivo, Sacopenapã, depois por um breve período chamada de Martim Afonso, ainda sem nenhuma urbanização, vemos também as casas da favela do Leme à direita da ladeira, que ocupava área do velho Forte do Vigia, donde só sobram os velhos arcos que inclusive aparecem na foto.
Dentro da mata do parque da Chacrinha outras ruínas podem ser achadas, inclusive um belo painel de azulejos portugueses.
Foto de Malta

Comments (21)

rockrj 2005-01-25 07:18 …
Um teste para saber se o motor do fusquinha estava bom, era subir em terceira no sentido de Botafogo para Copacabana…mas tinha que dar uma boa embalada…
andredecourt 2005-01-25 07:22 …
O ideal é entrar de segunda cheia, colocar o giro lá em cima e passar prá terceira no meio da subida, bom teste para ver se não há detonações no motor
jro 2005-01-25 07:38 …
André,
O bom mesmo era já entrar de quarta cheia, vindo embalado lá da casa do ca…lho, dar uma porrada no fundo do carro naquele lugar em que o angulo da ladeira muda, passar a terceira e subir com o motor esguelando até o topo, para então freiar para não dar uma porrada naquela ponte…
Jro :-)))))))))))))))))))))
andredecourt 2005-01-25 07:46 …
hehehehe
sergio azevedo jr. 2005-01-25 07:47 …
Embora eu já conhecesse a maioria das fotos feitas por Malta, principalmente às relacionadas ao centro do Rio, essa para mim foi uma grata surpresa. E a identificação dos arcos nos dá a exata noção do local. Memorável! E pensar que do lado de lá encontramos hoje o Rio Sul.
backup 2005-01-25 08:01 …
Meu brother.
Pqp! Too much!
Abraços ae,
🙂
alvarogabriel@openlink.com.br 2005-01-25 08:34 …
Impressionado com a capacidade do meninos em “esmerilhar” seus fuscas e subir a ladeira do Leme em terceirinha, quero só fazer um comentário sobre o Cardeal Arcoverde, a meu ver, é exemplo do poderoso binômio elite/igreja católica no Brasil. O moço, que era Albuquerque Cavalcanti (quem é de Pernambuco sabe o que isso significa) mal saiu do primário, foi para Roma formar-se em Direito Canônico!!! o que fez com menos de 24 anos. Vários cursos depois, inclusive na Sorbone, voltou ao Brasil com a missão definida por sua santidade: tornar-se o primeiro Cardeal brasileiro e latino-americano. O Homem mandava pra burro; foi carne do pescoço para o governo, principalmente alguns positivistas tipo Benjamim Constant que faziam da cultura sua maior arma para mandar e desmandar. Pois o pernambuquinho lá de Pesqueira no agrestão pernambucano, que além do manjado francês e italiano, dava banho em latim, grego, hebraico e outras línguas menos votadas. Escreveu livros sobre direito, filosofia, sociologia e política. Anos mais tarde, acho que por pura provocação (não me venham falar do ecumenismo católico) tascaram a maior Menorah (aquele castiçal judaico) na Praça que leva o seu nome bem de cara de quem vem da Barata Ribeiro. Para mim, com todo respeito ao senhor cardeal, o nome da Pça continuaria sendo Martim Afonso que, ainda que não fosse também flor que se cheirasse, pelo menos foi o primeiro governador do Brasil, expulsou os franceses, fundou São Vicente a primeira vila do Brasil.
gerard_3 2005-01-25 09:05 …
Muito legal…adoro ver estas fotos!
Bjócas!
De
meus_clicks 2005-01-25 09:11 …
muito legal !
adoro essas fotos de antigamente !
:):)
como era tudo diferente !
beijos
laurinha ;)))
natureco 2005-01-25 10:16 …
Muito interessante André. Mas como morador de Niterói, vou pouco ao Leme e não consegui definir onde fica essa área.
Abçs.
Luiz.
AnaClara 2005-01-25 10:40 …
Gostei da aula de história AlvaroGabriel,quanto ao teste do fusca todos da minha geração praticaram êsse tipo de loucura.
AnaClara 2005-01-25 10:50 …
Gostei da aula de história AlvaroGabriel,quanto ao teste do fusca todos da minha geração praticaram êsse tipo de loucura.
rockrj 2005-01-25 11:31 …
O /jro tem razão, era assim que eu fazia…
Jason 2005-01-25 15:16 …
No tempo em que os primeiros carros 1.0 apareceram (isto é Uno Mille, 1990), minha diversão com um saudoso Fusca “mileduque” 1960 era deixá-los para trás na subida da ladeira do Leme. Vinha no embalo, seguia de pé embaixo e quando passava pelos arcos o Fiat ainda estava lá longe… Humilhação total.
peixynha 2005-01-25 17:26 …
André…adoro seu flog!! ;))
Muito show mesmo!
jaymelac 2005-01-25 18:26 …
Super interessante ver esta foto. Também falo hoje de sacopenapã. Só que fica na Lagoa…
Abração, Jayme
lucia 2005-01-25 18:46 …
Logado como Lucia comento:
Prefiro subir em 3a de Vespa, digo 2a ou as vezes 1a hahahahaha.
Gustavo
rossanah 2005-01-25 19:22 …
boa noite, moço!
Essa ladeira ai eu não conhecia
bjs
nictheroy 2005-01-25 21:50 …
Falae…Manerissimo seu flog!!
tenho um com fotos antigas de Niterói
www.fotolog.net/nictheroy
Vlw
peixynha 2005-01-26 01:05 …
André…vc é um sabichão!!!
Onde que vc tira essas raridades?
prfragoso 2005-01-26 13:16 …
André,
Vocês são maus mesmo… Assim não tem carro que resista! Tive um “derrubadinho”, Gol 82 com dois carburadores, motor de Brasilia, que só conseguia subir essa ladeira em segunda, e olhe lá. E o motor não era 1.0 e sim o equivalente a um 1.3 ou 1.6. Vocês são maus mesmo!