Rua Cosme Velho, Águas Férreas, anos 50

Nossa foto de hoje mostra a aprazível localidade de Águas Férreas no bairro do Cosme Velho nos anos 50, ainda longe de ser a via de acesso de Flamengo, Laranjeiras e Catete para o sistema do Túnel Rebouças, apenas ainda planejado pela equipe capitaneada por Reidy nessa época.
O urbanismo ainda se mantém parado no tempo, as construções de forte lembrança colonial e algumas ecléticas dominam a paisagem ainda parada nos anos 10 do séc. XX, o que poderia ser factível fora os automóveis e a rede de telefonia, já com cabos de muitos pares.
Outro detalhe que chama a atenção é o alinhamento errático da via, ocupada de forma expontânea desde pouco antes da chegada da família real ao Brasil no séc. XIX acompanhando a descida do Rio Carioca rumo ao mar. Podemos perceber as fachadas dos imóveis alinhadas de forma não uniforme como também do traçado dos meio-fios que em alguns pontos elimina as calçadas. Isso até hoje pode ser visto no trecho logo após o trevo de acesso do Rebouças em alguns sobrados antigos que insistem em sobreviver.
Esse S depois de muita pesquisa se localiza pouco antes do Rebouças, mais precisamente junto ao terminal de ônibus do Cosme Velho, que causou a desapropriação e demolição de todos os imóveis que vemos à direita da imagem. Já os da esquerda foram substituídos ao que parece ao longo dos anos 70 e 80 por um conjunto de prédios de apartamentos com a arquitetura típica dessa época.
 
Com esse post encerramos as postagens de 2010, e depois de um breve recesso de fim de ano voltaremos provavelmente no dia 02 de Janeiro de 2011 com uma ótima imagem. O ano de 2010 foi muito interessante para o site pois depois de muito trabalho conseguimos no final de 2009 condensar todo o arquivo que ainda estava no fotolog.com bem como colocamos em operação algumas novas ferramentas que em muito facilitaram a navegação pelo site. O resultado é que dobramos nossos acessos em relação à 2009, com quase 500.000 acessos do início do ano até agora, o que reflete o acerto de passarmos para um site. Até 2011 uma feliz passagem de ano novo para todos.

19 comentários em “Rua Cosme Velho, Águas Férreas, anos 50”

  1. As ferramentas disponíveis no “site” são excelente para todos os que querem pesquisar ou ver detalhes das fotos.
    A “busca” e a possibilidade de ampliação das fotos são estupendas.
    Parabéns!
    Ótimo 2011!

  2. Seu trabalho ,
    articulado com paixão pelo Rio antigo,
    foi um dos bálsamos com que,
    ao longo de todo 2010 ,
    esparecíamos um pouco das tribulações do Rio ” moderno ” !
    Com a certeza de que em 2011 continuaremos a nos embalar
    com os devaneios dos Anos Dourados…FELIZ ANO NOVO A TODOS !

  3. Clicar na foto e ter a possibilidade de vê-la aumentada foi a melhor coisa que aconteceu nos FRA’s. Está de parabéns!
    Desejo que Ano que vem, o site tenha mais fotos inéditas!!
    E que os cariocas, que moram em outros estados, tenham a possibilidade de conhecer este site e lembrem da nossa querida cidade do Rio de Janeiro.

  4. Desejo a todos os participantes desse interessante site , um
    2011 com muita fartura ,e que a nossa cidade volte a ser
    a cidade maravilhosa .
    Cumprimentos, Marco Antonio.

  5. acabo de descobrir este blog e outros sobre o Rio…. amo o Rio de Janeiro..
    Parabéns e não desistam aqueles que fazem este trabalho…pretendo voltar…
    Feliz Ano Novo pra todos
    ANa

  6. Belíssima foto!
    Observei a ausência de iluminação pública nesse trecho.
    Não fui capaz de achar uma luminária sequer.
    Um 2011 com muita Paz…

  7. André, meus parabéns por mais um ano do seu site e das maravilhosas fotos que você publica todos os dias! Que 2011 seja melhor para nossa cidade!
    Em relação a essa foto, me parece que a posição do fotógrafo é um pouco mais acima na rua, talvez na altura da Igreja São Judas Tadeu ou do Consulado da Romênia. Acredito que as casas que aparecem no fundo da foto, onde aparentemente há uma destacada palmeira no jardim, ainda estão lá, bem conservadas inclusive, no alto de uma grande amurada, já que não estão ao rés do chão. Além disso, o alinhamento da via com a torre do CEAT, lá no alto, em Santa Teresa, só se dá nessa altura da rua. O que você acha?
    Um abraço

      1. Andre, a mulher com a trouxa na cabeça está ao lado do muro gradeado que no Google Street permanece até hoje ao lado da igreja São Judas Tadeu. Dê uma olhada. Saudações.

  8. Senti uma emoção enorme ao ver a foto. Morei no Cosme Velho de 1955 a 1957, bem ante do Rebouça; tinha a esperança de ver foto antiga da casa de comodos onde morei . Ela ficava próxima à casa do falecido sr. Roberto Marinho . Hoje existe um belo prédio no lugar da antiga casa.
    Esse período foi tão importante na minha vida que sempre sonho com o lugar. Agradeço muito a que postou a foto e se não for pedri muito, será que dava para colocar mais fotos da região onde morei a casa ficas atrás de um prédio, que ainda existe e sua frente em bico. Ficaria aternamente grata .Que Deus abençoê a todos os que amam o Cosme Velho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

What is 6 + 10 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para evitar a quantidade enorme de spams, você precisa responder a conta para provar que você é gente de verdade...