foto de andredecourt en 29/06/07

Depois de uma semana parados voltamos hoje com a nossa aérea de sexta.

Estamos hoje em São Cristóvão, numa época anterior aos grandes aterros para a construção da segunda parte do porto do Rio.
Por ela podemos comprovar que a antiga orla do bairro ficava nas Ruas Benedito Otoni e Monsenhor Manuel Gomes, depois da Igreja de São Cristóvão.
A agradável região praieira de 50/60 anos antes já tinha praticamente desparecido, existindo ainda um pequeno pedaço de areia perto da Igreja do Senhor do Bonfim, hoje à beira da Av. Brasil e espremida no conjunto de viadutos da Perimetral e Mário Henrique Simonsen. Em seu lugar vemos um conjunto de trapiches, longe da enorme quantidade que existia na região da Gamboa, mas mesmo assim com grande importância, pois faziam o papel de atracadouros para embarcações que navegavam pelo interior da baia, além da manutenção desta frota.
Ao fundo temos o Campo de São Cristóvão com as feições da sua primeira urbanização, feita por Passos no início do séc XX. Vemos que onde hoje há o Pavilhão de São Cristóvão havia um grande descampado, que era usado para treinamentos militares, paradas e eventos, tendo para isso até um pequeno pavilhão, que do alto era muito parecido com o de regatas, na orla de Botafogo.
Os morros de São Januário e do Barro Vermelho, que hoje abrigam o Observatório Nacional e uma conjunto de construções de clase média respectivamente ainda estavam praticamente vazios. O mesmo acontecendo com vários terrenos à beira do Campo.
Esse cenário iria se modificar ao longo das décadas, primeiro com a unificação do litoral do Gasômetro até a Ponta do Cajú, com a ocupação industrial da vizinhança nos anos 30 e 40 e depois com a construção do Pavilhão e do conjunto de viadutos nos anos 50, 60, 70 e 90.
Foto CAN
Comments (11)

rockrj 29/06/07 9:43 …
Espetacular!
derani 29/06/07 10:19 …
O “progresso” estraga muita coisa.
Dava para andar por aí à pé nesta época.
Agora virou um deserto urbano com construções esmagadoras.
jban 29/06/07 10:21 …
Sensacional a foto. Quando conto para os meus filhos que aquela igreja ficava na beira da água, eles ficam me olhando com aquela cara de “papai está doido”…
Olha, aquele Pavilhão foi uma bela m….
O nome do site às 6as. feiras deveria ser “Voando pelo Rio”
tumminelli 29/06/07 10:34 …
Toda vez que passo por essa igreja imagin o mar chegando até ela e de barco muita gente indo para a missa.
:-))
já está sabendo que o Fotolog adotou a politica do Flickr? So comenta quem tem uma conta aqui. Sai do Flickr, também, por causa disso. Estou pensando seriamente em abrir uma conta no fotolog do terra, que ainda é democrático
angemon 29/06/07 12:24 …
parabéns…honeymoon?…não sabia! Um beijão pros dois e votos de muuuuuuuuitas felicidades!!!!!!!!!
jucafii 29/06/07 15:01 …
excelente, andre.
puuuuuta saudade desse Rio que passou, que eu conheci ainda na década de 60. (eu tô com 51, vc sabe, né…)
era, de verdade, a cidade maravilhosa.
abraço
antonog 29/06/07 15:04 …
André,
A igreja em questão não é a do Bonfim, e sim de SãoCristovão, que ficava à beira-mar. Veja no link: http://www.flickr.com/photos/antolog/75589848/
edubt 29/06/07 15:05 …
Eu reconfigurei desde ontem. Ta bloqueado mesmo. Acho que abro uma conta no Terra e atualizo ambos. Como faço com o reclames.
:-))
luiz_o 29/06/07 20:14 …
Consegui abrir um novo fotolog.net para poder comentar por aqui.
“Depois de uma semana parados”…
Pensei que tivesse sido uma semana de muita agitação!!!
andredecourt 30/06/07 13:28 …
Antolog, a igreja que vemos na foto, e a qual vc linkou é de fato a de São Cristóvão, mas a Igreja do Senhor do Bonfim é a seguinte, rumo ao Cajú, na mesma antiga linha do litoral, hoje como bem disse espremida entre os viadutos do conjunto, Perimetral, Gasômetro, Lnha Vermelha e Ponte Rio-Niterói
austral_lazar 1/07/07 21:38 …
Foto excelente…
Ao ver uma foto como essas fico com pena de não ter presenciado essa época da minha cidade, a qual tanto amo.

Adicionei o flog aos meus favoritos, ok?
Abraço e continue com esse fantástico trabalho.