andredecourt's foto van 8-9-05

Nessa foto vemos que não bastante as demolições, de um portão, 2 ou 3 galerias e do torreão central o Mercado poderia ter sobrevivido, o viaduto se mostra operacional, com postes de iluminação e tráfego.

Vemos que a simpática área após o mercado se transformou em uma nada, uma suja área de escombros.
De todos os prédios que aqui parecem só três sobrevivem, o no pé da página, ocupado pelo Primeiro Tribunal do Juri, e o pavilhão de Estatística e na extrema direita aparecendo parcialmente o antigo pavilhão do Distrito Federal hoje o MIS.

Comments (19)

Luiz D´ 8-9-05 9:10 …
Demoliram tudo por opção não por necessidade!
http://fotolog.terra.com.br/luizd
lylla_lausanne 8-9-05 9:17 …
Sempre aprendendo…
Saudades
Bjk
roney 8-9-05 9:27 …
bem interessantes estas transformacoes da cidade! abracos
claricelispector 8-9-05 9:53 …
Flog em homenagem à escritora Clarice Lispector… http://www.fotolog.net/claricelispector/
Rafael Netto 8-9-05 9:55 …
E o Rio deve ser uma das poucas cidades tradicionais do Brasil que não tem o seu Mercado.
Em São Paulo e Belo Horizonte os Mercados são marcos da cidade, inclusive em SP foi feita uma reforma recente que o transformou em “point” superconcorrido.
Em Salvador e Belém temos respectivamente o Mercado Modelo e o Ver-o-Peso.
Em Vitória o Mercado tradicional, minúsculo, foi destruído num incêndio (hoje está restaurado), e o comércio mudou-se para a Vila Rubim, mas permanece perto do Centro.
Enquanto isso aqui no Rio o que restou foi a Cadeg, distante, um lugar que eu nem sei direito onde fica.
Lefla 8-9-05 10:11 …
Ih, mercham no seu fotolog!
andredecourt 8-9-05 10:13 …
Se é sobre escritores não ligo não, apagaria na hora se fosse sobre “celebridades”, academias de ginástica e demais idiotices
prfragoso 8-9-05 10:44 …
Caramba! Não sabia que o Mercado ocupava uma área tão grande; pensava que ele ficava no espaço que hoje é o estacionamento; ou seja entre o viaduto e o cais…
A propósito,André, quando foi construído o famigerado viaduto?
Abs.
Marcelo Almirante 8-9-05 10:47 …
Por falar em MIS, a coleção de milhares de fotos estará disponível pela internet no final do mês.
Resta ver para crer.
Tenho uma imagem do mesmo viaduto cortando o antigo mercado, no seguinte link:
http://www.flickr.com/photos/quadro/38072768/
Até os anos 80 a Praça XV sofria com o mal cheiro devido à venda de peixe realizada à noite sob o viaduto. Devia ser um resqício do Mercado Municipal, imagino.
andredecourt 8-9-05 11:02 …
Com certeza Marcelo, acho que havia um entreposto de pesca em um prédio anexo ao mercado, que foi demolido também !!
AG 8-9-05 11:43 …
Rapaz, como sou uma besta.
Sempre achei que o mercado havia sido demolido antes de fazerem o mamarracho deste viaduto da Perimetral.
Estou besta.
E que gentinha medíocre compõe nossos governos.
betotumminelli 8-9-05 11:56 …
Outro dia passou no canal Brasil o filme Dona Xepa, que se passa ai no Mercado Municipal, infelizmente não pude ver.
Mas voltando à Perimetral, tudo bem que é horrenda, degradou os locais por onde passa, mas é inimaginavel a cidade sem ela.
:-))
jban 8-9-05 12:05 …
Meu avô era frequentador assíduo do Mercado, pois sendo peixeiro ambulante, ia para lá de madrugada para comprar o peixo que vendia nos areais longínquos de Ipanema … na década de 30.
Aquilo foi mais crime para somar na nossa longa lista.
Quanto ao Viaduto, dinamite e que se f… o trânsito.
prfragoso 8-9-05 12:41 …
Agora você me tirou uma dúvida. Então o Mercado já tinha sido demolido quando cheguei ao Rio, no ano de 1964.
Obrigado pela informação.
betotumminelli 8-9-05 12:59 …
Rafael,
a CADEG fica em Benfica. Ainda existem comerciantes lá remanescentes do Mercado Municipal.
:-))
Rafael Netto 8-9-05 13:17 …
Eu sei que a Cadeg fica em Benfica, mas é um lugar totalmente fora de mão e não me lembro de ter passado por lá nenhuma vez.
A venda de peixe se não me engano era num “lojão”, hoje abandonado, que ficava no térreo do prédio da Conab (outra aberração da área). Acho que só acabou com a construção do Mergulhão, que tirou o acesso ao local.
O Mercado tinha que ter sido reconstruído em uma área central, pena que o Metrô ainda não havia saído do papel, a área do atual Terreirão seria ideal pra isso. Aliás “reconstruído” não é nem força de expressão, porque segundo consta o antigo Mercado era feito em estrutura metálica desmontável.
AG 8-9-05 14:56 …
Le Halles era o mercado de Paris; chamavam-no de o “estômago de Paris”.
Um dia resolveram destruí-lo a bem da higiene e da urbanização.
Um pecado.
A cidade toda se revoltou.
Foi uma brigalhada tremenda.
Mas não teve jeito.
Aí, no início dos anos 80, apareceu no lugar um shopping center, na minha opinião, medíocre, insignificante, que morto não faria falta (lembram do Tertuliano ?)
Vejam só; mesmo Paris é assaltada por projetos sem pé-nem-cabeça que satisfazem os “modernosos” e não ajudam em nada o caráter da cidade.
No caso de Paris, temos Le halles, La Defense e aquele horror que é a torre de Montparnasse.
Vai-se fazer o que ?
Todo país precisa de um seu Oscar (geralmente comunista) que vem nos impingir suas idéias “progressistas” como coisa de “profeta de uma nova sociedade”.
Seu Oscar (e kompanheiros) bem poderiam ter ficado quietinhos no seu canto construíndo caixotes de cimenmto mal acabados, no quintal das suas casas.
Mas o Ferreira Gullar acha que são bonitos…
Stalin morreu, mas não conseguiram enterrar seus restos. Muita coisa ainda anda cheirando mal por aí.
levine1983 9-9-05 0:23 …
que horror esse viaduto em cima do mercado :S
levine1983 9-9-05 1:46 …
ah sim… tava vendo nuns posts antigos, se falando do paradeiro dos leões do Monroe… eu si onde eles estão! hehehe
pior de tudo, eu já os conhecia e vim descobrir a pouco tempo que se tratavam dos leões do monroe hehehe