Copacabana 1932

Hoje teremos uma charada, praticamente insolúvel com essa foto da família do amigo Felipe Corbett.
Ela mostra seu avô Antônio França Quaresma em algum lugar do bairro de Copacabana no ano de 1932. Incialmente se pensa na Praça do Lido, pelo grande vazio urbano atrás, pois essa região foi uma das últimas a serem ocupadas no bairro. Porém a posição da Agulinha de Copacana, uma formação rochosa no Morro da Saudade, perto do seu encontro com o Sâo João, põe essa localização por terra.
Especulo que o pequeno estivesse dentro das dependências do Copacana Palace, antes da construção do anexo, onde havia quadras de tênis, sendo então a rocha que vemos por tras, em primeiro plano, o Morro do Inhangá.

11 comentários em “Copacabana 1932”

  1. Concordo, pela posição da pedra aí atrás, o local só pode ser onde atualmente está a piscina do Copacabana Palace ou no terreno do prédio anexo.

  2. Atrás parece ser uma mureta como as da Praia do Flamengo!
    Estranho mesmo.
    E hoje em dia os prédios impedem que os morros sejam vistos, o que mataria a charada. Talvez do alto de algum edifício…
    PS: o Decourt não deve ter lido o meu último post…

  3. Olhei muitas fotos em que aparece o Inhangá e não acho que seja lá. O morro está muito longe. Vemos em outras fotos que o espaço lateral (piscina) não é tão largo assim.

  4. “Não lembro muito bem desse local como era” contudo, copiem e colem a imagem , no Paint Brush e depois invertam.
    Naquela epoca era comum revelaram os negativos virado.

      1. Pelo Google Earth fica claro que não é a Praça do Bairro Peixoto. Não há morro algum entre a Praça e a Agulhinha de Copacabana.

  5. Vendo uma das fotos da exposição, matamos a charada. É o espaço ao lado do Copacabana Palace, onde seria mais tarde construida a piscina.
    O morro é o do Inhangá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

What is 4 + 10 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para evitar a quantidade enorme de spams, você precisa responder a conta para provar que você é gente de verdade...