São Conrado- Lagoinha

Hoje o nome Lagoinha é associado à uma conscessionária de automóveis GM, mas o que muitos não sabem que o acidente geográfico que da nome á loja realmente existiu num bairro de São Conrado que não existe mais.
 Formada pelas águas que desciam das encostas da Floresta da Tijuca, notadamente dos vários córregos e riachos que desciam por onde é a Rocinha, elas acabavam ficando represadas pela linha de dunas que existia junta a praia. Transbordando para o mar em época de chuvas fortes ou em épocas de ressaca recebendo a contribuição da água do mar.
Até os anos 30 e 40 a pequena lagoa, muito menor que a Rodrigo de Freitas ainda existia e margeava a Av. Niemeyer no final do seu traçado como também a Estrada da Gávea.
Nos anos 50 e 60 uma rede de canais foi construída, para começar a dissecar a lagoa, além disso aterros também eram executados, o resultado é que nos anos 70 os últimos vestígios da Lagoinha se resumiam a charcos e terrenos que inundavam em épocas chuvosas.
Mesmo na selva de pedra que aquela parte de São Conrado se tornou ainda temos vestígios como traçado do final da Av. Niemeyer, tão abrupto para uma área de baixada, bem como os canais, principalmente o da Av. Aquarela do Brasil , que continuam transportando alguns dos riachos e córregos que formavam a Lagoinha, infelizmente hoje transformados em efluentes de esgoto oriundos do populismo habitacional que criou o absurdo chamado Rocinha.

11 comentários em “São Conrado- Lagoinha”

  1. Ótimo registro. Já havia ouvido falar na Lagoinha e o traçado da Av. Niemeyer dá a pista (com trocadilho) para a localização.

  2. Não sabia dessa lagoa. Fizeram os canais na época em que a Rocinha começou a ganhar corpo, após sua fundação na década de 1930.

  3. Também desconhecia essa lagoa. Sobre a concessionária, o dono a vendeu para um grupo paulista, parece, e ela mudou de nome. Lagoinha, agora, só a oficina que foi desmembrada da concessionária e carrega a bandeira da Bosch.

  4. Essa concessionaria era muito ruim. Além de demorar o atendimento e ter um preco absurdo, esperado para concessionarias, a qualidade dos serviços era um lixo. O carro sempre tinha que retornar, alem de cobrar a lavagem…

  5. Olá, adorei seu site. As fotos e os textos estão maravilhosos, através deles temos a chance de fazer um belo passei pelo Rio de antigamente.
    Sou arquiteta urbanista e sempre que vou ao Rio aproveito para observar e fotografar, especialmente a Cidade (o Centro).
    Tenho uma página sobre arquitetura e assuntos relacionados. Lá você encontrará muitas fotos e textos sobre as reformas urbanas do Rio, além de fotos antidas e atuais.
    http://bhpbrasil.spaces.live.com/
    quando puder, dê uma olha e deixe comentário.
    Parabéns pela iniciativa deste site.
    um abraço
    beariz

  6. Olá quero lhe parabenizar pelas fotos são maravilhosas gostaria de saber se tem como fazer uma visita ao lugar onde tem essas fotos e se tem também filmes desde ja agradeço e aguardo resposta ..
    um abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

What is 9 + 12 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para evitar a quantidade enorme de spams, você precisa responder a conta para provar que você é gente de verdade...