Convento da Ajuda, Chafariz das Saracuras

foto de andredecourt em 30/06/06

Chafariz das Saracuras

Vemos o chafariz em seu lugar original, antes da demolição do Convento da Ajuda.
O chafariz seguindo traços de Mestre Valentim, onde podemos ver o tipo de peças fundidas no mesmo tema da fonte Fonte do Menino no Passeio Público, aves pernaltas no topo do chafariz fazendo a água jorras para a bacia superior e nas bacias laterais jabotis.
Os grandes tanques laterais serviam para a lavagem de roupas.
O conde foi mandado construir pelas monjas em homenagem ao Conde de Resende, o dístico de pedra de lioz em seu topo dizia isso, mas hoje se encontra praticamente ilegível, que mandou fazer uma derivação do aqueduto da Carioca, mais precisamente da derivação que alimentava o Chafariz das Marrecas, para alimentar de água fresca o velho convento.
O chafariz foi levado em 1912 para a praça Ferreira Vianna, antiga Floriano em Ipanema atual Gal. Osório.

Comments (16)

edubt disse em 30/06/06 10:33 …
Antes ele ficou por um tempinho aqui em Copa. Mas foi pouqissimo tempo.
Alias acho que postei essa foto uma vez. Ou uma bem parecida.
:-))))
andredecourt disse em 30/06/06 10:41 …
Roberto essa informação que o chafariz passou por Copa é constestável, pois vejamos, a únioca praça 100% urbanizada em Copa por volta de 1911 era a Serzedello Correia, ele nõa passou por lá.
Nessa época a praça Suzano, atual Demétrio Ribeiro estava sendo urbanizada mas como seu bisa fotografou nunca houve ali um chafariz, a do Vigia já tinha sido pela Light já as outras praças ainda eram brejos aou areais, e só seriam urbanizadas no final dos anos 10 até o final dos anos 20.
Por isso eu acho praticamente impossível esse chafariz ter passado por Copa
Rafael Netto disse em 30/06/06 11:36 …
“as outras praças ainda eram brejos ou areais…”
Isso me lembra as praças da Barra (José Bernardino e Praça do O) no início dos anos 80.
É impressão ou as saracuras que deram nome ao monumento ainda estavam lá?
Engrosso o coro do Tumminelli. Se os donos da casa continuam na Copa, com certeza vão dar um jeito de chegar à final e ganhar, como foi no caso da França.
Já “nuestros hermanos” são derrotáveis…
ARGENTINAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!
http://fotolog.terra.com.br/rafael_netto
Leflaneur disse em 30/06/06 12:05 …
O chafariz das saracuras passou, sim, por Copa. Instalou-se na esquina da Barata com a Paula Freitas, onde várias saracuras ficam jorrando conversa fora, de pé, enquanto são abastecidas pelo Chafariz Real. Eu conheço algumas saracuras que não saem de lá. Outras tantas que somem, mas voltam. O chafariz das saracuras está lá em copacabana, só que disfarçado.
Leflaneur disse em 30/06/06 12:05 …
Ah, sim…
ARGENTINÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ´!!!!
luiz_d disse em 30/06/06 12:57 …
Pô, André, não se pode nem viajar: estava preparando esta série…
Perplexidade disse em 30/06/06 14:07 …
Alguém pode explicar que delírio e esse de colocar uma pirâmide de vidro na Praça Paris?
Não será feito nada para impedir tal desatino?
Aprendiz disse em 30/06/06 14:10 …
O que são saracuras?
Leflauner
Porque só na Rua Paula Freitas são encontradas e não nas demais ruas do bairro?
andredecourt disse em 30/06/06 14:18 …
Saracura=Frango D’água
Derani disse em 30/06/06 14:21 …
Essas fotos são ótimas, nunca tinha visto nada do interior do Convento da Ajuda.
Ele foi tão importante para a cidade que, mesmo estando isolado em seus primórdios, tinha um caminho para ele que saía da Rua São José, que era o chamado de Caminho da Ajuda, depois Rua da Ajuda, cujo pedacinho até hoje sobrevive…
(André me corrija tiver errado alguma coisa..)
FlavioM disse em 30/06/06 15:17 …
Repito o Derani. Também nunca tinho visto nada de dentro do convento. Aqueles eram os muros do mistério.
As saracuras ainda estavam lá… Fazem falta. Deviam fazer cópias, nem que fossem de gesso, até para que o público dê mais valor ao patrimônio que tem.
http://www.flaviorio.globolog.com.br
lucia disse em 30/06/06 16:22 …
Buenas!!
😛
Marcos Souza Costa disse em 30/06/06 17:14 …
Estive num domingo desses na feira da Praça General Osório e as saracuras estavam lá. Até mostrei para um casal de amigos de Juiz de Fora que me acompanhavam, mas eles não deram muita bola para o chafariz, até porque em volta a fauna era muito mais variada e exótica do que as saracuras.
Agora, se elas são originais ou não, isso eu não sei, mas não destoavam muito do restante do chafariz.
Jorge Silva disse em 01/07/06 06:51 …
Estou surpreso. Até agora tudo que eu conhecia de Convento da Ajuda eram fotos apagadas,tiradas a distância. Para os que amam o Rio de Janeiro,como nos,significa um verdadeiro e apreciável tunel do tempo.Abs a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

What is 11 + 11 ?
Please leave these two fields as-is:
IMPORTANTE! Para evitar a quantidade enorme de spams, você precisa responder a conta para provar que você é gente de verdade...