andredecourt's Foto von 11.11.05

Demolição do Hospital da Ordem Terceira da Penitência

O velho hospital e seu anacronismo com a cidade que surgia com as reformas de Passos já foi mostrado aqui algumas vezes: http://ubbibr.fotolog.net/andredecourt/?photo_id=11058033 http://www.fotolog.net/andredecourt/?photo_id=10603595
Hoje mostro uma foto de Malta de 20/09/1906 do hospital em pleno processo de demolição, que nos dá uma exta idéia do tamanho da construção, inclusive da grossura de suas paredes e da complexidade de seus telhados.
O mais curioso dessa foto é que a obra se executava sem a colocação de nenhum tapume ou proteção para os pedestres, algo impensável hoje.
No extremo direito da foto vemos uma nesga do meio fio da rua Uruguaiana nessa época já alargada e urbanizada, infelizmente nõa podemos ver se o largo da Carioca já estava também com a sua urbanização concluída.

Comments (32)

luiz_d 11.11.05 08:05 …
Impressionante o patrimônio da igreja católica quanto aos terrenos que possuía/possui.
São quarteirões inteiros nas áreas mais nobres da cidade.
Segue o exemplo de “pobreza” do Vaticano…
http://fotolog.terra.com.br/luizd
jban 11.11.05 08:23 …
A Resposta será surpreendente !
🙂
jban 11.11.05 08:23 …
Possui, Luiz. Até hoje.
Rafael Netto 11.11.05 08:56 …
O prédio onde eu trabalho pertence à Irmandade do Santíssimo Sacramento da Candelária. Sei de pelo menos um com mesmo status na Rua do Rosário.
http://fotolog.terra.com.br/rafael_netto
vodca 11.11.05 08:58 …
OI querido….voltei…por enquanto eheheh
Está funcionando bem melhor agora.
beijos
jban 11.11.05 09:57 …
Vodca ? 😐
AG 11.11.05 10:56 …
André, isso era um hospital ou era um forte ? Benza-ó-deus que paredes ? Parecem ter sido feitas para defender seus habitantes de um ataque do Átila, Rei dos Hunos.
Esse santa pobreza que a igreja católica segue é baseada no exemplo de Jesus que sempre foi um cara rico, e era seguido por doze das maiores fortunas da época em Israel. Era famoso o seu báculo todo em marfim, ébano e ouro. Também entrou para a história seu palácio que foi depois ocupado por Pedro, dono do maior entreposto de pesca em Jerusalém.
Jesus além de suas pregações, investia em imóveis, na indústria e no comércio. É dele a frase repetida por diversas empresas cristãs que vendem fé: “templo é dinheiro”.
Hoje em dia, as igrejas, principalmente a católica, procura imitar os santos ensinamentos financeiros do seu fundador mas procurando sempre o equilíbrio, a frugalidade, a humildade.
Prova disso é que, por uma questão de modéstia e simplicidade, a igreja foge como o diabo da cruz na hora de divulgar seus interesses financeiros no mundo inteiro.
É o recolhimento obsequioso.
Só obsequisoso por que recolhimento de impostos nem pensar. Pagar imposto fica para os ímpios e hereges, afastados da doçura da fonte divina.
Amém.
Ricardo Sanctos 11.11.05 11:47 …
Olha lá atrás o convento de Santo Antônio, e ainda bem que nem ousaram tocar nele!
Acho muito elegante essas vestimentas de época, passeio completo + chapéu (chapéus esses que a gente só encontra hoje na chapelaria Alberto.
E o fim de semana, vai ser com nuvens eplúmbeas mesmo ???
Ricardo Sanctos 11.11.05 11:48 …
Esqueci de fechar os parênteses do adendo.
ngrille2 11.11.05 12:00 …
A resposta do AG é fenomenal.Rsss..
Já imaginou quantas crianças orfãs, doentes e com AIDS do mundo todo que o Vaticano poderia abrigar e alimentar ?
E botar aquele monte de padres,freiras,bispos e afins prá cuidar deles ?
Tudo mundo de sandália que nem Cristo e sem aquela parafernália e riqueza tôda que ofende e agride qualquer sêr humano vivente.
Leiloaria todas obras de arte que existem por lá e mandavam o dinheiro prá Africa se reconstriur aquele país tão sofrido e esquecido.
Desculpe se magoei alguém, mas sou sobretudo Cristã .E aquela riqueza toda realmente é uma afronta…
Enfim, a foto é genial !!!
jban 11.11.05 12:09 …
Resposta do meu Quiz lá no http://www.fotolog.net/jban
Bruno Macedo 11.11.05 13:18 …
Achei a resposta do AG fútil e herética. Coisa de ateu…
jban 11.11.05 13:44 …
Bruno,
Crença e Religião são coisas distintas… pode-se acreditar em Deus, mas não seguir uma igreja em particular… pode-se fazer parte de uma igreja e ainda assim critica-la. Heresia é apenas ter uma opinião diferente do dogma oficial..
O espaço aqui é democrático e todos tem direito a expressar a sua. O AG tem e você também.
AG 11.11.05 13:46 …
Engraçado, para o Bruno, se você não é católico ou não acredita na divindade de Cristo é ateu.
Para ele, budista é ateu, maometano é ateu, xintoísta é ateu, os índios pataxós são ateus, enfim, quem não for da religião judaico/cristã que ora se instalou no mundo ocidental é, na opinião do Bruno, herético e fútil.
Pois olha, amigo Bruno, se não fazer parte de uma religão que matou tanta gente na fogueira, que persegue e estupra freirinhas nos seminários, que abusa sexualmente de meninos e meninas no mundo inteiro, que ajudou tantos oficiais carniceiros nazistas a fugirem da lei, que tem como arcebispo emérito essa figura facista e patética do Eugênio Salles, que não paga um tostão de impostos, que é a maior proprietária de imóveis no Brasil, que manda por mês milhõs de dólares como remessa de lucros para Roma e muito mais coisas que não coloco aqui para não estourar o espaço; se não fazer parte de uma religião assim me faz ateu, então não sou ateu.
Sou profundamente ateu.
Rafael Netto 11.11.05 14:34 …
Esses fotologs são surpreendentes. Aparece uma foto da demolição do hospital da Ordem Terceira e a discussão imediatamente descamba para críticas à riqueza da Igreja…
Voltando ao hospital, as construções até o início do século XX eram bem robustas mesmo, não havia concreto armado, nem o cálculo estrutural de hoje. Eram construídas de acordo com o “sentimento” do pedreiro.
A minha casa, térrea, construída em 1917, tem paredes externas de uns 20 cm de espessura. Imagine um prédio de 3 andares como esse aí.
edubt 11.11.05 14:51 …
Acabei de adquirir um alfarrabio com essa foto a qual estava vendo no metrô!
:-)))
visaocarioca 11.11.05 14:57 …
Sou ateu e concordo com o AG
AG 11.11.05 15:19 …
Sr. Tutu, que mal lhe pergunte:
o senhor adquiriu o que ?
Alfarrabio ?
Como ele é ? Mais alfa do que rábio ?
Sabia que o nome alfarrabio (sem sacanagem) vem de um filósofo de um “turquenakistão” da vida que, aí pelos anos 900 da nossa era, e que ficou conhecido por passar a vida inteira sacaneando Aristóteles; mas não me pergunte como e porque.
Minha cultura inútil vai longe mas não chega a tanto.
:-))))))
jban 11.11.05 15:53 …
Alfarrábio vem de Al Farabi, do latim Alfarabius, sabio muçulmano que viveu em Bagdá no século IX
plim ! Você sabia ? tuu, tuu, tu, tu, tu
Solange Passos 11.11.05 17:16 …
O hospital atendia a quem ? Era público ou privado ?
De qualquer maneira era uma construção magnifíca, não merecia ser derrubada, mesmo desativando o hospital,poderia ser usada para outros fins, como museu, centro cultural,etc.
E eu que passei milhares de vezes por ali, e nem de longe imaginava as histórias de vida que se passaram naquele lugar.
Parabéns pelo trabalho !
AG 11.11.05 17:30 …
Consideradíssimo, João Novello.
Este flog também é cultura e, como temos vários estudantes, leitores diários de nossos temas e considerações, e como não costumo brincar com certas coisas (inclusive com o nome dos carros antigos aqui apresentados, como você insidiosamente faz, inventando nomes esdrúxulos) fiz por bem ir ao dicionário Houaiss e tirar de lá a seguinte explicação, tome em boa nota:
antr. ár. al-Fárábi, nome de célebre filósofo nascido no Turquestão (872- 950), que viveu no sX e glosou Aristóteles (384a.C.-322aC, filósofo grego); JM explica que “a vulgaridade de citação de sua pessoa acabou por depreciar a sua obra, juntando-lhe os conceitos de antiguidade, falta de interesse”
Como vê a minha explicação (que quase acertou em tudo) está chacelada pelo mestre das palavras que habitou entre nós.
Agora, uma coisa me preocupa e espanta. Que o nosso Sr. Tutu saia de casa em busca de um alfarrábio, não deixa de ser muito esquisito.
Um fã 11.11.05 18:28 …
Que pena que esse lugar com fotos tão bacanas tenha descambado hoje para o terreno do ranço pedante. É tão fácil fazer discurso fofinho e indignadozinho, pena que tão cheio de mentiras e chavões. Aliás, deve fazer muito sucesso nas festchenhas. Muito lindinho mesmo. Será carencia afetiva?
AG 11.11.05 19:11 …
Olha a Karina aí gente !!!!!
Bruno Macedo 11.11.05 19:30 …
Caríssimo AG.
Quero lhe fazer uma pergunta: seguir a Cristo é religião? Isso pra mim é novidade.
Soli Deo Gloria.
AG 11.11.05 19:59 …
Caro Bruno,
para seguir Cristo não é necessário ser religioso.
Como para seguir os ensinamentos de Sidarta Gautauma (ou ter afeição por ele) não exíge que o cara seja budista.
Como para ser fã do Pelé não era necessário ser santista.
Por isso a tua pergunta cai no vazio.
Por que ?
Porque a minha crítica foi à igreja católica; ponto paragrafo.
Você é que tomou-se de dores e deu a entender que era católico.
E quem é católico segue Cristo; ponto parágrafo.
O que me chamou à atenção foi você dizer textualmente:
“Achei a resposta do AG fútil e herética. Coisa de ateu…”
E eu, por minha vez, achei esse comentário leviano e preconceituoso. Coisa de católico…
Como também coisa de católico é esse “Soli Deo Gloria”. Tem toda a pinta de obra de católico, cursilhista e provavelmente jesuíta.
Quosque tandem, Catilina.
prfragoso 11.11.05 20:02 …
André,
Realmente, não se vê tapumes, nem proteção, mas também não se vê nenhum operário trabalhando na demolição; sem falar que está tudo “organizado”, sem muito entulho, dando a impressão que no momento da foto a demolição estava suspensa…
Outra coisa interessante que notei: a quantidade de transeuntes circulando sem a mínima preocupação com o trânsito. Será que a área estava isolada, fechada para os bondes?
Considerando que a população do Rio em 1906 era de 800.000 habitantes é, no mínimo estranho, não haver movimento de veículos.
Bruno Macedo 11.11.05 20:57 …
Caro AG,
Eu dei a entender ao senhor que sou católico?
Bruno Macedo 11.11.05 20:59 …
Se eu fosse o senhor daria uma passada na Rua São Clemente, 295.
Bruno Macedo 11.11.05 21:15 …
AG,
Perdoe-me se pareci arrogante e preconceituoso para o senhor. Sempre gostei de suas opiniões (sou olheiro há meses deste fotolog e de outros que tratam do Rio Antigo). Sei que suas críticas se dirigiram aos católicos. Confesso que não gostei do modo como o senhor usou o nome de Jesus neste seu post, mas respeito o seu ponto de vista. Espero que aceites meu pedido de desculpas. No mais, tudo de bom para o senhor!
Deus te abençoe!
jban 11.11.05 23:02 …
Ihhhhhh…….. falsa humildade é insuportável !!
ngrille2 12.11.05 11:43 …
Caramba!
Como esta foto gerou polêmicas…
Está divertido, um monte de Cristão discutindo Jesus e Deus…hehehe
Não importa a religão, quase todas cometeram enganos (Noite de S. Bartolomeu, os conflitos na Irland,etc…)o importante é que Deus é um só independente de religião.E Ele perdôa a todos, ou quase todos…???
E no fim aqui se faz e aqui mesmo se paga…
Bjks a todo e um abençoado fim de semana.
Norma
Bruno Macedo 12.11.05 20:24 …
Jban,
Julgamento, então… Nem se fala!